Recipólis: janela de oportunidades para o desenvolvimento do Polo Médico do Estado

Tempo estimado de leitura:2minutos, 17segundos

Considerado o segundo maior polo médico do País, o Recife ganhou essa alcunha em função dos investimentos feitos em tecnologia, pesquisa e certificações por parte dos hospitais privados.  Para que o mercado local continue sendo vitrine para as demais regiões, a aposta em tecnologia continua sendo o ponto crucial das entidades pública e privada. Entendendo que esse esforço deve ser conjunto, o presidente do Sindicato dos Hospitais do Estado de Pernambuco (Sindhospe), George Trigueiro, passa a integrar à equipe do Polo de Tecnologia em Saúde – Recipólis, como membro do Conselho de Administração.

 “Vejo o debate sobre alternativas tecnológicas como um processo desafiador e instigante para o setor. E o Sindhospe reúne as mais importantes empresas do segmento médico do Estado. Assim sendo, não poderíamos ficar de fora dessa discussão”, pontuou Trigueiro, que, no dia 26 deste mês, se reuniu com os demais membros do Recipólis na Universidade Federal do Estado de Pernambuco (UFPE) para conversar sobre o tema.

 Na oportunidade, conversaram sobre a posse do Conselho de Administração, a eleição da presidência do Conselho de Administração, a posse dos Diretores vice- Presidentes e assistiram a uma apresentação do Planejamento Estratégico.

 Dentre tantas funcionalidades do projeto, o objetivo é atrair empresas que possam financiar os projetos realizados por alunos e educadores da UFPE, ou para empreendedores que possam trazer diferenciais competitivos para o Polo Médico.  Se configura como uma iniciativa para aproximar governo, universidade e empresas gerando sinergia,  com foco na regionalização do Complexo Industrial de Saúde e na atração de empresas que tenham o interesse de se estabelecer na região.

 Mais ainda, o Recipólis visa identificar experiências de êxito para promover a cooperação e o intercâmbio entre os atores da cadeia produtiva e de inovação de dispositivos médicos do Recife entre outros países.  É tanto que para conhecer outros sistemas, em 2014, uma comitiva viajou para a França , um dos mais importantes polos de inovação do mundo. Na época, os participantes conheceram o Pôle des Technologies Médicales em Saint-Étienne, cidade que reúne mais de 45 empresas de saúde.

 Além de promover a troca de tecnologias médicas entre o que é desenvolvido aqui e lá, a comitiva contou com a participação de representantes do Grupo  Saúde Nordeste, Ministério da Saúde, Núcleo de Telessaúde da UFPE, Sindicato dos Hospitais de Pernambuco (Sindhospe) e HospitalMed. “É por conta dessa troca de experiências que o nosso polo se fortalece ainda mais com um dos mais importantes do País”, destacou o presidente do Sindhospe, George Trigueiro.

 

Calendário Cursos 2017

Próximos Eventos e Cursos

Não há eventos se aproximando neste momento.

Receba nossas atualizações

Parceiros

Facebook